Buscar
  • Vetsaoboaventura

De quarentena com os pets.

Cuidados necessários para atravessar esse período de cautela e incertezas.

A sua rotina mudou com a chegada do corona vírus? Provavelmente sim, né? O isolamento proposto pela OMS (Organização Mundial da Saúde) para não sobrecarregar o sistema de saúde tem sido aplicado em quase todas as cidades do Brasil. E Maricá é uma delas.


Com o isolamento físico não é só a sua rotina que muda mas a dos seus pets também. A presença prolongada dos tutores em casa faz com que gatos e cachorros também fiquem um tanto confusos sobre a rotina deles, e geralmente leva mais ou menos uma semana até que eles se acostumem com a nova configuração. A enxurrada de informação que passamos a receber diariamente acerca do covid e seu alastramento pelas cidades brasileiras nos deixam mais ansiosos, mais temerosos quanto ao futuro incerto. Como antenas dos afetos dentro do lar, gatos e cachorros também sentem essa onda de tensão que só tende a aumentar com a clausura.

O que fazer para manter a vida saldável dos pets?

Mais tempo em casa pode significar mais demanda por atenção. Uma exigência de ambos os lados tá? Não vá pensando que essa carência é via de mão única! Interagir mais é inevitável e essa interação precisa ser saldável. O que ajuda bastante equilibrar a demanda por saídas e brincadeiras dentro de casa são os brinquedos para os pets. Há atualmente uma ampla gama de brinquedos com múltiplas finalidades no mercado. Teste alguns. Mas se você se empolgar e comprar muitos, não dê tudo de uma vez, né? Segure os brinquedos e esteja atento à perda de interesse do seu peludo pelo passatempo da vez.

Se você é pai ou mãe de gatos, brinquedos são ainda mais importantes. Se possível, móveis específicos para os gatos interagirem são uma delícia para eles e para a gente. Quem tem esse tipo de móvel sabe o quanto é divertido olharmos esses seres maravilhosos escalando postes para dormir em uma caminha mais ao alto, por exemplo.

Preciso parar de passear com meu cachorro?

Se você é mãe ou pai de cachorros Não precisa deixar de passear com o seu cachorro, mas selecione a rota mais sem movimento e encurte a distância. Se preciso for, repita o mesmo trajeto algumas vezes. Há casos de tutores que moram em prédios e utilizam os corredores e as escadas para não precisarem sair de casa. É uma opção também. Um passeio dentro do prédio ou em seus arredores ajudará tanto a você quanto ao seu peludinho a passarem por esse momento.

Cuidados com a higiene dos pets.

Nesse período de quarentena, sempre que o seu peludinho voltar da rua, limpe as patinhas dele com água e sabão e depois, por favor, seque-as muito bem. Os cuidados com a higiene são fundamentais para evitar a propagação do vírus.

Moro em uma casa e meu gato vive saindo de casa para o quintal, às vezes acho que ele pula o muro e sai. Como faço nesse período de quarentena?

No caso de gatos que vivem em casa, o ideal nesse momento é não deixa-los sair. Sabemos que é difícil o controle mas ele é essencial. Caso você não consiga dar conta dessa vigia, o aconselhado é lavar as patinhas deles com água e sabão regularmente e secá-las depois.

Não desregule a alimentação do seu pet também.

A tensão desse momento associada a uma mudança brusca de rotina e a um tempo integral dentro da própria casa faz com que a nossa alimentação se desregule. Em outras palavras, comemos mais “besteiras”. Tenha cuidado para não passar essa alteração alimentar para o seu pet e, em tempo, busque você também voltar a uma alimentação saldável.

© Desde 1981

  • Veterinária São Boaventura
  • Veterinária São Boaventura